Pride Azores logotipo

Pride Azores logotipo
Bem Vind@s Welcome

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Apoio a vitimas LGBT

Homofobia em Portugal é crime... e continua a ser uma das maiores preocupações da nossa associação. Temos que denunciar - não tenhas medo.

Páginas homofóbicas no facebook podem dar prisão 

Apoio a vitimas LGBT: ILGA Portugal assinou uma carta de compromisso com a Secretaria de Estado para a Cidadania e Igualdade que tem como finalidade a atribuição de uma subvenção para a criação de um Serviço de Apoio a Vítimas LGBT (SAV LGBT).

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Palestra & Conversa

"A palestra teve lugar no Centro Municipal da Cultura e estiveram presentes na mesa de honra eu, Pedro Morais, fundador do movimento Ponta Delgada LGBT, o Pedro Neves, representante da PAN Açores, a Vereadora da Câmara Municipal de Ponta Delgada, a Dra. Fátima Rego, o Tiago Paquete, membro do movimento e a D. Clarisse Canha, representante da UMAR Açores. Apresentamos estratégias para combater o preconceito e a discriminação contra a Comunidade LGBT de Ponta Delgada e eu apresentei o meu movimento á sociedade. Ainda estivemos a debater sobre a juventude que está inserida na comunidade LGBT e o que podemos fazer para alanvancar a educação dos jovens relativamente a este tema." - Pedro Morais





O Preconceito e a Comunidade LGBT nos Açores

Palestra e Conversa aberta ao publico em geral, liderado por Pedro Morais com convidados

Quinta-feira 28 de julho 2016

17h00 às 19h00

Centro Municipal da Cultura, Ponta Delgada

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Vigilia pelas vitimas de Orlando

Veja na página da UMAR

"Eu quis fazer esta vigília para homenagear as vítimas do Massacre de Orlando, e para mostrar que cá nos Açores, especialmente cá em São Miguel, a comunidade LGBT regional está solidário com as vítimas, os seus familiares e amigos. Temos que nos unir e lutarmos contra o preconceito. Só assim poderemos impedir que mais desastres destes aconteçam novamente." - Pedro Morais, organizador da vigília



segunda-feira, 18 de abril de 2016

A pergunta #1 que recebemos - the #1 question we receive

Are there gay clubs and hotels in Azores?
NO, there are no known businesses in the Azores that are seen or publicly run as "gay" or "LGBT", as one can find in many cities around the world. There are many gay-friendly places, especially in the cities. But yet, until this day, only one business has come forward to support our organization directly: ARCO 8 (Santa Barbara neighbourhood of Ponta Delgada, São Miguel island) has offered its space for the organization to do events.
In terms of hotels, most are very gay-friendly. Respect is tops in these businesses in Azores, but if you have any problems, please do get in touch with us prideazores@gmail.com

FAQ - Some general notes of interest:

LGBT Rights in Portugal, includes Azores wikipedia

Azores are 9 islands located in the middle of Atlantic Ocean (autonomous region of Portugal under the Portuguese Government Law). Each island is very distinct from one other. Especially outside the cities, some of the rural communities have never communicated openly with an out gay man or lesbian - even though they exist amongst them. People are generally friendly, even though they may talk behind your back.

There are more lesbians then gays visibly around the islands and living together.

Yes, there are a few same-sex married couples in Azores.

Yes, prostitution exists, even though it is not generally talked about.

Men are not taught to wear condoms, therefore be aware as Azores is the region with the highest sexually transmitted diseases, per capita, in Portugal. Lung cancer is also higher in Azores, then the national medium, due to smoking.

Country Health Advise IAMAT
AIDS Map AIDS Map
Portugal does not have restriction on HIV Travellers HIV Travel
Drug policy in Portugal, includes Azores wikipedia




quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Encontros no Mundo

Líderes de várias entidades do movimento LGBT Europeu encontraram-se na reunião anual da Interpride que aconteceu este ano em Las Vegas, EUA.

Próximos encontros mundiais:
2016 - AGM Montpellier, França
2017 - Worldpride, Madrid



Montpellier, Copenhaga, Madrid, Riga, várias entidades da Alemanha e Pride Azores estiveram presentes.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

17 de Maio: DIA INTERNACIONAL CONTRA A HOMOFOBIA E TRANSFOBIA



O Sangue é todo igual,
o que muda são os comportamentos.

17 DE MAIO 2015
DIA INTERNACIONAL CONTRA 
A HOMOFOBIA E TRANSFOBIA

segunda-feira, 4 de maio de 2015

é no sangue

é discriminação, é preconceito, é fobia...
e continua...

adorámos a crónica do comediante "sensivelmente idiota" que decidimos partilhar aqui:
SEXO ANAL OU DAR SANGUE? SÓ PODES ESCOLHER UM DELES

e para as últimas noticias sobre o assunto visite ILGA 

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Participa no ESTUDO

Antes de mais, desejo um excelente 2015.
O meu nome é Francisco Castro e estou a realizar um estudo sobre orientação sexual e a sua relação com a auto-estima e o bem-estar subjectivo, no âmbito do Mestrado em Psicologia Clínica e de Aconselhamento da Universidade Autónoma de Lisboa (UAL). Acredito que uma melhor compreensão destes fenómenos poderá beneficiar, tanto a comunidade científica como a sociedade em geral.
 
Como se sabe, e apesar de ser muito importante compreender os processos relacionados com a sexualidade humana, não tem sido fácil a realização de investigação científica junto das comunidades gay, lésbica, bissexual e heterossexual com comportamentos homossexuais. Esta é a razão por que peço a colaboração para a divulgação do estudo, que se intitula Que ‘Eu’ me sinto? e cujos questionários para a participação estão disponíveis na página do Facebook ‘’Mais ciência para uma sociedade mais esclarecida’’. Na mesma página também está publicada a declaração da UAL certificando a veracidade deste estudo.
 
As respostas são totalmente ANÓNIMAS e CONFIDENCIAIS.
Muito obrigado pela colaboração.
Francisco Castro

1) link para a população GAY/LÉSBICA
2) link para a população BISSEXUAL
3) link para a população HETEROSSEXUAL COM COMPORTAMENTOS HOMOSSEXUAIS